A demissão do Presidente da Petrobras

A demissão do Presidente da Petrobras e a insistência do Ministro Paulo Guedes em continuar ministro me fez lembrar uma célebre frase, atribuída a Tim Maia, sobre o Brasil e suas incongruências: “por aqui, prostituta goza, cafetão tem ciúmes, traficante se vicia, pobre é de direita e cristão é comunista”.
Talvez nosso ministro da economia, com sua fé inabalável no liberalismo, esteja sofrendo de um mal que Tancredo Neves já havia alertado ser comum, especialmente em quem não é do ramo com outra excelente frase: “A política ilude mais que o amor”.

Paulo Guedes não é político. Está sendo dragado por um capitão que somente pensa em se perpetuar no poder.
Alguém precisa dizer-lhe que já é passada a hora de “pegar o seu chapéu” e se mandar!
Chego mesmo a desconfiar que ele não faz isto porque não se usa mais chapéu!